Este artigo é sobre Tecnologia

ISO 56002 – Uma breve apresentação de sua grande importância atual

Fernando Frazão

Analista de Inovação Jr

Publicado em
20 de Novembro de 2020

Entenda a importância da ISO (International Organization for Standardization)

A ISO (International Organization for Standardization), por meio de seus 164 países membros, é conhecida internacionalmente por ser referência em desenvolvimento e publicação de normalizações que geram os melhores resultados nas empresas. É uma organização internacional não governamental independente de padronização sem fins lucrativos, fundada em 1947 em Genebra (Suíça), onde a entidade reúne especialistas de todo o mundo que compartilham conhecimentos e desenvolvem normas internacionais voluntárias, baseadas em consenso e relevância para o mercado, ao mesmo tempo em que apoiam a inovação e fornecem soluções para os desafios globais.

Seu objetivo principal com suas certificações é criar uma política que seja capaz de suportar as organizações no desenvolvimento de novos processos de maneira sustentável. É uma norma de sistema de gestão, que veio para estruturar o processos de inovações, tornando algo organizado e gerenciável. É o resultado de muitos anos de estudo, com a contribuição de vários membros (profissionais de países diferentes), reunindo suas experiências, conceitos, ferramentas e métodos mais relevantes sobre inovação.

A família de normas de inovação conta ainda com outras normas de apoio, como a ISO 56000- Fundamentos e vocabulário; a ISO 56003- Ferramentas e métodos para parceria de inovação – Orientação e a ISO 56004 - Avaliação da Gestão da Inovação – Orientação.


Esclarecendo algumas dúvidas frequentes sobre a ISO 56002

 

Todas as empresas podem implementar a ISO 56002?

Sim! Qualquer empresa de pequena ou grande portes e fragmentos, podem está fazendo essa implementação, geralmente essa implementação acontece em um único departamento e seu tempo de implementação demora de seis a oito meses, dependendo do número de pessoas que estão envolvidas nesses departamentos. 

Mas minha empresa nem inova ou nunca inovou, o que eu faço? 

A solução está na ISO 56002! Ela será seu norte e o start para mudança do mindset da empresa, mudança da cultura, quebra de paradigmas, e o estabelecimento de processos simples e funcionais que farão com que as pessoas “pensem fora da caixa” e com isso, agir e reagir mais rapidamente às mudanças.

Mas minha empresa já tem algumas certificações ISO, posso me beneficiar disso? 

Sim! Se sua empresa já é experiente em sistemas de gestões, sua empresa possui ISO 9001, ISO 14001, ISO 45001 ou outras certificações. Não se preocupe, pois a ISO 56002 possui uma estrutura que será facilmente integrado com essas normas.


Visão geral da ISO 56.002

Na ilustração acima, notamos um ciclo que chamamos de PDCA, que representa a estrutura do sistema de gestão da inovação. 

 PDCA é a abreviação de PLAN “Planejar”, DO “fazer”, CHECK “checar”, ACT ”agir”.

Segundo a norma, esse ciclo PDCA busca garantir que as iniciativas e processos de inovação sejam apropriadamente apoiados, tanto com recursos como com os gerenciamentos, além de entusiasmar que as oportunidades e riscos sejam apresentados e questionados pela organização durante todo o processo.

Esse ciclo pode ser brevemente detalhado da seguinte maneira:

Planejar:  definir os objetivos e determinar as ações fundamentais para lidar com oportunidades e riscos;

Fazer:   implementar o que é planejado em termos de suporte e operações; 

Chegar: verificar quando for aplicável e medir os resultados em relação aos objetivos;

Agir: tomar ações para aprimorar constantemente o desempenho do sistema de gestão da inovação;


Mas o que é Inovação? E por que inovar?

Você já deve ter percebido que, quando falamos em inovação, muitas vezes o que nos vem à cabeça é algo extravagante, admirável e deslumbrante. Pode até ser tudo isso, mas, podemos pensar também que ela pode ser algo simples, ou seja, que facilite a vida das pessoas e que contribua para que tudo seja feito de maneira prática, rápida e certeira. Que nos fornecerão melhorias em médio e longo prazo na qualidade de um produto ou serviço.

Como podemos observar ao nosso redor, a inovação tem se mostrado cada vez mais necessária atualmente e isso tem feito com que as empresas pelo mundo se reinventem cada vez mais rápido, sob ter ideias de apresentar novidades ao mercado.

Sendo assim, inovar é necessário para acompanharmos os usos e costumes da sociedade, também para melhorar os produtos e serviços ou até mesmo lançar novidades, para que as empresas possam estar sempre competitivas e evitar o decrescimento.

Vale ressaltar que, para uma empresa inovar, a ISO 56002 não é a única opção. A ISO 56.002 é apenas mais uma metodologia de gestão da inovação.

“A inovação sempre significa um risco. Qualquer atividade econômica é de alto risco e não inovar é muito mais arriscado do que construir o futuro. ” –  Peter Drucker


ISO 56002 e os oitos pilares 

Realização de valor;

Tem como objetivo realizar e agrupar valor financeiro ou não financeiro. O valor é compreendido pelo seu desenvolvimento de identificação, conhecimento e também satisfação das faltas das partes empenhadas. 


Liderança

Constitui em ter líderes de todos níveis, onde inspiram os colaboradores a pensarem nas realizações futuras para construir uma visão e um objetivo que seja estimulador para abraçarem essas evoluções.


Direção estratégica 

A direção proporciona a base para alocações de pessoas e recursos. Já as estratégias de inovações são compartilhadas e compreendidos que estão alinhadas com os propósitos gerais. 


Cultura

A cultura deve possibilitar a convivência dos comportamentos de criatividade e execução efetiva. Tem como objetivo criar um comportamento baseado na resiliência, isto é, na maneira de se adaptar às demandas e diversas tendências de mercado.


Explorar insights

As empresas adotam e praticam metodologias para gestão reconhecer insights que possam ser explorados para obter valor e requer um questionamento sistemático, baseando-se em diversas fontes de conhecimento. Os insights são efetivos, vão além do óbvio e juntam previsões estratégicas sobre necessidades e circunstâncias futuras.


Gerir a incerteza 

As incertezas e os riscos são avaliados, proporcionados e depois gerenciados com experimentação e processos repetidos, dentro de um portfólio de possibilidades.


Adaptabilidade

Tem como novas ideias e soluções que necessitam constantemente de mudanças nas estruturas, processos de competências e capacidade de adiantar compatibilidade. A capacidade de adiantar sistematicamente e entender a necessidade de mudanças é uma capacidade fundamental de inovação.


Abordagem de sistemas  

A abordagem de sistemas com elementos inter-relacionados e interativos, avaliação de desempenho e melhorias constantes do sistema, são utilizados para um objetivo comum que é o gerenciamento da inovação. 


Os benefícios da ISO 56.002

São eles os principais benefícios:

  • Aumentar a habilidade e capacidade de lidar com as incertezas;

  • Aumentar seu crescimento, faturamento, lucro e competitividade;

  • Reduzir custos e desperdícios, aumentar a produtividade e a eficiência dos recursos;

  • Aumentar a sustentabilidade da organização e sua resiliência;

  • Aumentar a satisfação dos usuários, clientes, cidadãos e outras partes interessadas;

  • Renovação sustentável do portfólio de produtos e serviços;

  • Engajar e empoderar as pessoas na organização;

  • Aumentar o potencial de atrair parceiros, colaboradores e dinheiro;

  • Aumentar a reputação e o valor de mercado da organização;

  • Facilitar o compliance com regulamentações e outros requisitos relevantes;

Como podemos observar dentro destes benefícios também existem várias oportunidades que estão sendo perdidas por muitas empresas pelo simples fato de não estarem preparadas para colher as funções citadas.


O que mais devo saber sobre a ISO?

Além da ISO 56.002, há outras normas que podem complementar a implementação na gestão de inovação da sua empresa, abaixo algumas delas:

ISO 56.001 – Gestão da Inovação — Fundamentos e vocabulário, proporciona o suporte para o correto entendimento e implementação da ISO 56.002;

ISO 56003 –  Gestão da Inovação – Ferramentas e métodos para parcerias para inovação – Guia.

ISO TR 56004 – Avaliação da Gestão da Inovação — Guia, proporciona um guia para o planejamento, implementação e monitoramento da avaliação do sistema de gestão da inovação;

ISO 56005 – Ajuda na gestão da propriedade intelectual gerada com a inovação.

Vale destacar que todas estas normas ainda se encontram no idioma inglês.

 

Este artigo é sobre Tecnologia

Fale conosco

Entre em contato conosco e saiba como podemos apoiar a sua empresa no caminho rumo à transformação digital

manage cookies